Edição Brasil: Títulos de Dívida & Mudanças Climáticas - Análise de Mercado 2017

Edição Brasil: Títulos de Dívida & Mudanças Climáticas - Análise de Mercado 2017​

O mercado brasileiro de títulos verdes já ultrapassou 11 bilhões de reais emitidos por empresas nacionais, desde junho de 2015 (quando a BRF inaugurou este mercado) até setembro de 2017, foram emitidos 9 títulos verdes brasileiros, cinco deles no mercado internacional.

A emissão de títulos brasileiros no primeiro e segundo trimestres de 2017 atingiu um total de $288,4 bilhões, com títulos verdes representando 0,2% desse total (em comparação com o mercado global de títulos, títulos verdes representaram 4% da emissão no mesmo período). Uma análise profunda do mercado também descreve as orientações de investimento necessárias para financiar agricultura de baixa emissão de carbono, energia renovável e desenvolvimento do setor de transporte urbano, além de outros projetos de infraestrutura inteligente.

Dos títulos verdes brasileiros;

O estudo mostra também que os títulos verdes domésticos estão financiando uma ampla gama de segmentos; 

  • Energia Renovável representando a maior proporção, em 42%.
  • Agricultura e Floresta, o segundo maior, em 24%,
  • seguido de Água, em 13%,
  • Edifícios e Indústria, com 9%, e
  • Prevenção de Resíduos e Poluição, em 8%.
  • Transporte e Adaptação ao Clima compõem apenas 2% cada, um indicador da margem significativa para o investimento nessas áreas.

O desenvolvimento mais notável é o nível de demanda aumentada de produtos de investimento verde do Brasil por investidores internacionais, ressaltados na resposta a títulos verdes recentes emitidos pela Klabin ($500 milhões) e BNDES ($1 bilhão), nos quais tiveram demanda muito além da esperada. Este e outros resultados semelhantes são uma indicação de que o apetite por títulos verdes é grande e as recentes iniciativas de desenvolvimento de mercado no Brasil contribuíram para melhorar a compreensão do mercado e dos investidores em relação aos títulos verdes e seus benefícios.

Leia mais: baixe aqui o relatório.